NOTÍCIA | BRIGA BOA

Janaina diz que Emanuel cuspiu no prato ao criticar José Riva e está com um pé fora do MDB

Por enquanto, Emanuel não afirma que está pensando em sair da sigla.

Por: Max Aguiar - Olhar Jurídico
Publicado em 16 de Outubro de 2020 , 09h36 - Atualizado 16 de Outubro de 2020 as 09h41


Reprodução - Olhar Jurídico
A deputada Janaina Riva (MDB) comentou que seu correligionário e candidato à reeleição pela Prefeitura de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, cuspiu no prato de comeu ao tecer críticas duras contra o ex-deputado José Geraldo Riva. As duras falas de Pinheiro contra Riva foram feitas em resposta à delação do ex-parlamentar. 
Na sua primeira visita ao Palácio Paiaguás desde que engravidou, Janaina falou que considerava Emanuel Pinheiro um amigo e ao perceber que ele estava desrespeitando sua família, ela resolveu deixar o apoio a ele de lado e abraçar a candidatura de Roberto França (Patriota) nessa corrida eleitoral. 
 
"Sempre considerei o Emanuel um amigo, tinha ele como amigo, na primeira campanha dele fui para rua, fiz política com ele, era praticamente só eu e ele contra todo mundo. E é claro que eu não imaginava que ele iria dizer palavras tão duras. Ele estava na minha casa quase todos os dias, com meus irmãos, era uma pessoa de dentro de nossa casa todos nós realmente fomos pegos de surpresa. É claro que me me magoou. Eu não esperava essa atitude dele, acho que ele está cuspindo no prato que comeu e não vejo que eu não poderia ter uma postura diferente, porque eu não concordo com o faz tudo pelo poder. E tem gente que está disposto a isso", desabafou a deputada.
 
A parlamentar, que é a vice-presidente da Assembleia Legislativa, deve voltar aos trabalhos já no final desse mês, mesmo ainda estando em período de licença maternidade.
 
Ela confirmou que a briga de Emanuel com ela começou dentro do partido, mas que hoje ela enxerga o atual prefeito praticamente fora do partido e quase ingressando ao PTB, legenda em que hoje estão filiados Emanuelzinho e Márcia Pinheiro, respectivamente filho e esposa do prefeito de Cuiabá.
 
"Se alguém quiser deixar o MDB tem que ser ele. Eu não vejo Emanuel inserido no MDB.  Ele já está comum pé fora e acho que no futuro vai estar com os dois. Não me incomodo o fato dele permanecer no partido. Se tem alguém ali que tem que deixar o partido é ele. Quando ele coloca a esposa e o filho no PTB ele não está no MDB. Não dá para estar com os dois pés em duas canoas. A minha base é dentro do partido, lógico, minha casa é o MDB e não pretendo deixar o partido", comentou a deputada. 
 
Por enquanto, Emanuel não afirma que está pensando em sair da sigla. Porém, seu filho, deputado federal Emanuel Pinheiro Neto já confirmou que seria uma honra ter seu pai nas mesmas fileiras de seu partido.
Jud
Exatas Contabilidade
Soluti - Exatas Contabilidade
Auto Posto Arinos LTDA
RC Sistemas
Covid-19
Jumasa
Sicredi




MAIS NOTÍCIAS


Inviolável



Interessado em receber notícias em seu e-mail?
Nós o notificaremos e prometeremos nunca enviar spam.


2002 - 2020 © showdenoticias.com.br