NOTÍCIA | CASO SINISTRO

Antes de enterro de homem em Porto dos Gaúchos, coveiro encontra corpo de homem assassinado, que estava dentro da cova.

Ao sepultar Rui Macedo Lima, de 38 anos, foi encontrado o corpo de Matheus Reato, morto a tiro dentro da cova.

Por: Redação Show de Notícias
Publicado em 21 de Fevereiro de 2021 , 12h50 - Atualizado 22 de Fevereiro de 2021 as 07h25


Reprodução - Redes Sociais

A cidade de Porto dos Gaúchos, normalmente pacata e com população ordeira e amiga, tem poucos casos de violência entre seus moradores, os problemas maiores acontecem na zona rural do município, mas por ser um corredor de passagem para o noroeste e ligação entre o Vale do Arinos e a BR 163, com o norte e o sul do estado, tem muitos problemas de apreensão de drogas, o que as vezes gera violência no campo.

Mas nesse final de semana, a cidade viveu um momento inusitado, devido a morte de duas pessoas, uma devido a um infarto e outra por assassinato a tiros, cujo corpo foi encontrado dentro da mesma cova no cemitério municipal.

Rui Macedo LimaOcorre que no sábado, dia 20 de fevereiro, Rui Macedo Lima, de 38 anos, morreu vítima de um infarto. Ele trabalhava como açougueiro em um estabelecimento comercial da cidade, sofreu o infarto na rua, foi socorrido, mas não chegou com vida no Hospital Municipal da cidade.

 

Rui Macedo Lima era oriundo do Juazeiro do Norte, Ceará, estava há pouco tempo na cidade, mas pretendia voltar para sua terra natal para buscar a família.

Na manhã desse domingo, dia 21 de fevereiro, quando o coveiro da cidade foi ao cemitério para realizar os preparativos para o enterro do corpo de Rui Macedo Lima, se deparou com outro corpo dentro da cova coberto por um pedaço de lona automotiva, que já estava aberta.

O rapaz que foi assassinado a tiro é Matheus Reato, idade não revelada (foto acima na matéria), morador da cidade, trabalhava em um posto de abastecimento de combustível e, segundo informações, aparentemente não tinha inimigos e não se envolvia com coisa ilícitas.

O corpo que estava na cova foi recolhido pela Funerária, mas antes a Polícia Civil esteve no local para realizar o isolamento da área e colher as primeiras impressões sobre a morte do rapaz e a POLITEC de Juína foi chamada para colher informações que possam desvendar o acontecimento.

A Polícia Civil vai investigar o caso. Matheus era irmão de um policial militar da cidade de Porto dos Gaúchos. Ainda não se sabe se Matheus foi morto no local, ou desovado na cova pelo assassino.

Exatas Contabilidade
Soluti - Exatas Contabilidade
Auto Posto Arinos LTDA
Jud
Sicredi
Jumasa
Covid-19
RC Sistemas




MAIS NOTÍCIAS


Inviolável



Interessado em receber notícias em seu e-mail?
Nós o notificaremos e prometeremos nunca enviar spam.


2002 - 2021 © showdenoticias.com.br