NOTÍCIA | FIM DO SOFRIMENTO

Após 55 dias de sofrimento, mulher que sofreu acidente em Juara finalmente foi operada em Cuiabá.

A cirurgia foi bem sucedida e Josefina Cardozo deve voltar para casa na próxima semana.

Por: Show de Notícias - Aparicio Cardozo
Publicado em 24 de Julho de 2021 , 09h28 - Atualizado 24 de Julho de 2021 as 09h33


Arquivo da família

Foram 55 dias de dor, sofrimento e aflição, causados pela irresponsabilidade de um motociclista não habilitado e o descaso das autoridades, desde o dia 29 de maio, quando a senhora Josefina Rodrigues Cardoso foi envolvida em um acidente de moto no trajeto da sua casa para o trabalho, mas, finalmente, nessa sexta-feira, dia 23 de julho, a senhora Josefina Rodrigues Cardozo, 44 anos, foi operada no Hospital Municipal em Cuiabá.

Tudo começou no dia de maio, na esquina das Ruas Joaçaba com a Nelson Taborda Lacerda, quando a moto pilotada pela senhora Josefa Rodrigues Cardozo, que trafegava pelo Rua Joaçaba, trazendo na garupa seu filho de 10 anos de idade foi abalroada por outra moto, uma CG, pilotada por Roanito Dilemburgue, de 21 anos, segundo o pai do rapaz, Sr. Adilson Dilemburgue, ele não é habilitado, mas assumiu a responsabilidade e disse que estava errado.

Mesmo assumindo o erro, o causador do acidente, que é maior de idade não assumiu as responsabilidades e as vítimas, Josefina e seu filho, tiveram fraturas nas pernas, sendo que a mãe, teve a perna direita fraturada no calcanhar, fêmur e colo de fêmur.

As fraturas do fêmur e calcâneo, foram operadas em Juara, tendo ela ficado 14 dias internada, foi liberada, recebeu alta, mas em casa começou sentir fortes dores e ardência na região do quadril. Voltou ao hospital e, só em um novo exame de Raio-X, foi detectada a fratura de colo de fêmur.

No dia 22 de junho, Josefina foi encaminhada para o Hospital Municipal de Cuiabá, onde ficou aguardando pela cirurgia por exatos 30 dias. A cirurgia aconteceu na tarde dessa sexta-feira, dia 22 de julho, durou cerca de 04 horas, mas, no final, Josefina voltou para o quarto e teve uma noite tranquila, segundo Marilene Rodrigues Cardoso, que acompanha a irmã em Cuiabá.

De acordo com Marilene, o médico disse que a paciente está bem, deve ser liberada na próxima semana e poderá voltar para o convívio da família novamente.

Foram momentos de angustia, muita dor, incerteza e complicações, pois segundo informações da família, a senhora Josefina teve embolia pulmonar e trombose, pós cirurgias em realizadas em Juara.

A família chegou a ajuizar uma ação judicial, via Defensoria de justiça de Juara, no que foi atendida pelo juiz da segunda vara, que concedeu liminar, com tutela antecipada, com obrigação de fazer, para que o estado e o município providenciassem a cirurgia num prazo de cinco dias.

 

Para a realização da cirurgia, foi necessária a colocação de próteses, por isso, segundo explicações dos médicos e direção do hospital, a demora se deu porque a prótese e os materiais usados, são importados.

Soluti - Exatas Contabilidade
Jumasa
Auto Posto Arinos LTDA
Exatas Contabilidade
Covid-19
Sicredi
Jud
RC Sistemas




MAIS NOTÍCIAS


Inviolável



Interessado em receber notícias em seu e-mail?
Nós o notificaremos e prometeremos nunca enviar spam.


2002 - 2021 © showdenoticias.com.br