NOTÍCIA | GEJA O VÍDEO

Indea registra 16 mortes de equinos suspeitas e 01 confirmada de raiva animal no Vale do Arinos

Vaja logo mais o vídeo com a entrevista completa com o médico veterinário do Indea, Francisco Valtêncio Sales Ferreira

Por: Aparicio Cardozo Show de Notícias
Publicado em 09 de Fevereiro de 2024 , 10h11 - Atualizado 10 de Fevereiro de 2024 as 05h24


Cedidas ao Show de Notícias - animal doente

O Show de Notícias realizou na manhã desta sexta-feira, dia 09 de fevereiro, uma importante entrevista com o médico veterinário do Indea, Francisco Valtênio Sales Ferreira, conhecido como Chico do Indea, que falou com exclusividade ao jornalista Aparicio Cardozo, sobre um foco de raiva animal, com várias mortes de equinos e muares, que ocorreram nos municípios de Juara, Porto dos Gaúchos e Brasnorte, suspeitas de ter sido por raiva animal, inclusive, com um caso confirmado em Juara por exames laboratoriais.

Em Juara, onde houve mais mortes e o foco foi registrado na região costeira do Rio Arinos, próximo a Balsa, numa comunidade de chácaras.

Mesmo estando de férias, Chiquinho fez questão de gravar a entrevista para alertar aos produtores sobre os perigos que a doença oferece, especialmente para humanos, que é fatal.  

Clique AQUI e veja o vídeo com a entrevista do médico veterináario Chico do Indea

Segundo o médico veterinário, as mortes em Juara aconteceram no mês de novembro, em dezembro houve alguns casos e no mês de janeiro, teve mortes de animais no município de Brasnorte.

Alguns casos os produtores não comunicaram o Indea, por isso não foi possível fazer o exame laboratorial para saber se foram mortes provocadas pela raiva anima, mas um dos casos teve a confirmação da raiva animal.

Outra doença que está fase em investigação, é a encefalomielite, doença que também é transmitida pelos animais, mas não é tão perigosa para humanos. Os cuidados são redobrados com essa doença, uma houve alguns casos nos países do Mercosul, vizinhos do Brasil, como Uruguai e Argentina.

Do alto dos seus 30 anos de profissão e dedicação ao serviço público, Chiquinho explicou ao Show de Notícias, que os cuidados devem ser redobrados.

 

A Encefalomielite, segundo Chiquinho, vem através de mosquitos, pássaros, contaminados, tem menos problema que a raiva, em humanos não é fatal, como a raiva animal, que leva a morte.

Caso o produtor descubra algum caso suspeito em sua propriedade, de comunicar imediatamente o Indea e evitar o contato com os animais.

Sintomas da raiva animal:

“Os primeiros sintomas são o isolamento do animal e a perda de apetite, os quais também ocorrem em outras doenças e por razões diversas, mas no caso da raiva estes sintomas iniciais evoluem rapidamente, apresentando sinais neurológicos como salivação intensa, tremores musculares, andar cambaleante, decúbito e movimentos de pedalagem, opistótono e morte; em casos raríssimos, pode ficar agressivo”, explica o veterinário.

Como consequência do acometimento nervoso, o animal não consegue se alimentar e nem se movimentar e entre três e sete dias do início dos sinais, o animal vem a óbito.

“Importante destacar, que a raiva é fatal, inclusive para humanos e em 100% dos casos, o animal acometido vem a óbito”, Salienta Chico do Indea.

Soluti - Exatas Contabilidade
Sicredi
Auto Posto Arinos LTDA
Exatas Contabilidade

JUARA MATO GROSSO



MAIS NOTÍCIAS


Interessado em receber notícias em seu e-mail?
Nós o notificaremos e prometeremos nunca enviar spam.


2002 - 2024 © showdenoticias.com.br