NOTÍCIA | CRIMES AMBIENTAIS

Juara está entre onze municípios de MT que AGU aciona e pede R$ 432 milhões por degradação ambiental

Outra ação de destaque envolve os responsáveis pela degradação de 3.500 hectares na terra indígena Kayabi, no município de Apiacás (MT).

Por: Da redação com informações
Publicado em 30 de Novembro de 2023 , 16h08 - Atualizado 30 de Novembro de 2023 as 16h25


Reprodução

A AGU – Advocacia Geral da União, apresentou à Justiça 20 ações para cobrar de infratores ambientais valores que chegam a R$ 432 milhões, pelos danos causados ao meio ambiente e à coletividade. Além disso, é requerido a recuperação de uma área de quase 19 mil hectares.

Os pedidos foram apresentados na última terça-feira, dia 28 de novembro.

De acordo com AGU, as ações envolvem acusados de realizar desmatamento em 11 municípios de Mato Grosso, sendo eles: Aripuanã, Cláudia, Colniza, Marcelândia, Nova Bandeirante, Rondolândia, Monte Verde, São José do Xingu, Juara, Canarana e Apiacás.

Um dos casos deste novo lote de ajuizamentos envolve uma grande autuação realizada pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), em que se busca a reparação do dano ambiental cometido em mais de 1.700 hectares situados no Cerrado.

Outra ação de destaque envolve os responsáveis pela degradação de 3.500 hectares na terra indígena Kayabi, no município de Apiacás (MT). Observou-se que os infratores continuavam a explorar a pecuária na região, apesar de a área se encontrar embargada pelo Ibama.

Das 20 novas ACPs ajuizadas nesta terça-feira, dia 28 de novembro, 18 se referem ao bioma da Amazônia e duas ao Cerrado. Em todas elas, a AGU pede a recuperação das áreas degradadas, o pagamento de danos morais coletivos, dos danos transitórios e residuais causados ao patrimônio ecológico, bem como o ressarcimento do proveito econômico obtido ilicitamente.

Auto Posto Arinos LTDA
Sicredi
Soluti - Exatas Contabilidade
Exatas Contabilidade

JUARA MATO GROSSO



MAIS NOTÍCIAS


Interessado em receber notícias em seu e-mail?
Nós o notificaremos e prometeremos nunca enviar spam.


2002 - 2024 © showdenoticias.com.br