NOTÍCIA | JUARA DE LUTO

Juara perde João Severino de Luna, o João do Táxi, um dos pioneiros do município.

João deixou a esposa Ivonete, os filhos Marcelo, Márcio e Márcia, dois netos e muitos amigos.

Por: Aparicio Cardozo - Show de Notícias
Publicado em 15 de Maio de 2022 , 09h19 - Atualizado 15 de Maio de 2022 as 09h33


Arquivo da família

Juara perdeu nesta sexta-feira, dia 13 de maio, João Severino de Luna, 69 anos, um dos primeiros comerciantes e o quarto taxista da cidade.

Pernambucano de Amoeba, em 03 de julho de 1953, João Severino de Luna chegou em Juara no ano de 1980 e seu primeiro comércio foi um bar, onde hoje é a Sapataria Para Todos.

A esposa Ivonete Campos de Luna, lembra que o casal chegou em Juara com dois filhos, Marcelo e Márcia, uma mala e 590 cruzeiros em dinheiro da época.

Aos poucos João foi ganhando dinheiro e conseguiu se estabilizar. Seu segundo ramo de atividade na cidade foi como taxista.

João adquiriu o seu primeiro carro, um Corcel II vermelho e tornou-se o quarto taxista da pequena cidade. Antes dele só o saudoso Valter, Zé Maringá e Sr. Pedro.

João chegou a comprar o Hotel Umuarama, mas logo se desfez do empreendimento e depois se aposentou.

Apesar de nunca esconder o que pensa e não ter participado de política como candidato, João do Táxi foi um grande político, sempre era procurado para apoiar algum partido, mas sua fidelidade era com o ex-prefeito e ex-deputado José Riva.

Era o taxista de confiança do juiz José Lima Rodrigues, que morava em Juara, mas atuava também, na comarca de Porto dos Gaúchos e a prefeitura pagava as despesas.

Em 1989, o prefeito recém empossado, Zé Paraná, quis trocar de taxista para levar o juiz para Porto dos Gaúchos. Quem diz que o Dr. José Lima aceitou? Foi no gabinete do prefeito e exigiu João do Táxi.

Depois da sua aposentadoria, João do Taxi começou ter problemas de saúde, foram três AVCs e por último teve problemas de anemia, o que lhe acarretou problemas renais e acabou falecendo.

João costumava chamar a todos de “vida mansa”, mas na verdade, apesar de ter trabalhado muito, sempre viveu na tranquilidade. Ele deixou a esposa Ivonete, os filhos Marcelo, Márcio e Márcia, dois netos e muitos amigos.

Famlia

Covid-19
Exatas Contabilidade
Sicredi
Soluti - Exatas Contabilidade
Jud
Auto Posto Arinos LTDA

JUARA MATO GROSSO



MAIS NOTÍCIAS


Inviolável



Interessado em receber notícias em seu e-mail?
Nós o notificaremos e prometeremos nunca enviar spam.


2002 - 2022 © showdenoticias.com.br