NOTÍCIA | INVESTIGAÇÃO

MP de Juara instaura inquérito civil para apurar supostas irregularidades praticadas pela concessionária Energisa S/A

O ato do promotor de Juara poderá virar uma atuação recorrente dos promotores de justiça do estado de Mato Grosso.

Por: Redação Show de Notícias
Publicado em 08 de Novembro de 2019 , 07h09 - Atualizado 08 de Novembro de 2019 as 07h16


Show de Notícias

A 1ª Promotoria de Justiça Cível de Juara, através do promotor de justiça, Dr. Herbert Dias Ferreira, expediu a portaria nº 002525-038, para apurar supostas irregularidades praticadas pela concessionária Energisa S/A, na prestação de serviço de má qualidade e cobranças abusivas nas tarifas mensais de energia elétrica dos consumidores do município.

Dr. Herbert explicou que atendeu a uma solicitação da Câmara Municipal de Vereadores de Juara – MT, narrando possíveis irregularidades praticadas pela concessionária de energia elétrica de Mato Grosso – ENERGISA S/A, quanto ao aumento abusivo da tarifa de energia, enxugamento nos quadros de funcionários e má prestação dos serviços.

Nesse sentido, o MP resolveu converter a notícia encaminhada pela Câmara, com base nas razões e fundamentos expressos na portaria, para regular e formalizar coleta de elementos destinados a auxiliar a formação de convicção acerca da matéria versada, razão pela qual deverá a Secretaria desta Promotoria de Justiça autuar a presente portaria (920037); a seguir, registrar o inquérito civil instaurado no sistema SIMP.

O promotor explicou em entrevista ao Show de Notícias, que irá colher todas as informações a respeito da possível prestação de serviço de má qualidade pela empresa e cobrança abusiva dos valores nas contas de energia dos consumidores.

Dr. Herbert também solicitou ao Procon, o encaminhamento de documentação existente, que possa ajudar nas investigações e, também, vai notificar a Ager, solicitando se houve alguma notificação à Energisa, e, caso se comprove os ilícitos, irá pedir o ressarcimento dos valores pagos a mais pelos consumidores e a reparação dos danos causados.

Ele solicitou ainda, que os consumidores que se sentiram lesados pela empresa, que procurem o MP, de posse da documentação, para ajudar no encaminhamento das investigações.

CLIQUE AQUI E VEJA A PORTARIA DO MP


Jumasa
Auto Posto Arinos LTDA
Judô
Faculdade Anhanguera
Sicredi
Exatas Contabilidade
RC Sistemas




MAIS NOTÍCIAS


Inviolável



Interessado em receber notícias em seu e-mail?
Nós o notificaremos e prometeremos nunca enviar spam.


2002 - 2019 © showdenoticias.com.br