Polícia Civil de Juara conclui inquérito sobre furtos de gado em Juara e encontra mais 28 cabeças em Novo Horizonte do Norte

Mais 28 cabeças foram recuperadas e duas abatidas em Novo Horizonte do Norte

Por: Show de Notícias - Aparicio Cardozo
Publicado em 16 de Maio de 2018, 07h20 - Atualizado 16 de Maio de 2018 ás 07h31


Show de Notícias - Aparicio Cardozo

O delegado da Polícia Civil de Juara, Dr. Carlos Henrique Engelmann, concluiu nessa terça-feira, 15 de maio, o inquérito sobre furto de gado que vinha acontecendo na região do Vale do Arinos.

Em entrevista coletiva para a imprensa de Juara, o delegado Carlos Henrique disse que, após a recuperação de 07 cabeças de vacas paridas da propriedade do senhor Izael Costa, ocorridas no dia 06 de maio, a Polícia Civil iniciou uma investigação sobre o caso.

As investigações iniciaram com os dois elementos presos pela Polícia Militar de Juara com a caminhonete F4000 azul, placas GKQ 4392, de Juara, suspeitos de furtarem as 07 cabeças de vacas paridas da propriedade do Senhor Izael Costa, popular Pé Queimado, na região da Paranorte, próximo a Serra da Vó Julia.

Os animais estavam na caminhonete acima citada, que era dirigida por Cidivaldo do Amaral Ferreira, 22 anos e com ele estava o comparsa Sidimar Alexandre Barroso da Cruz. Eles não possuíam a Guia de Transporte Animal, GTA, expedida pelo Indea, foram autuados em flagrante delito e disseram que as vacas e a caminhonete pertenciam a Nilson Martins da Silva, 32 anos, de Novo Horizonte do Norte.

Na mesma noite do furto, a Polícia Militar foi até Novo Horizonte do Norte e conduziu Nilson até a delegacia de Juara, onde foi ouvido e liberado por falta de provas.

Na oportunidade, segundo o delegado, o morador de Novo Horizonte do Norte não guardava a situação de flagrante delito, tipificada no código penal, mas as investigações apontaram que, em 04 propriedades distintas daquele município, foram encontradas mais 28 cabeças de gado, todas furtadas em Juara e todos os que estavam na posse dos animais, disseram que haviam comprado do mesmo homem, apontado como proprietário da caminhonete.

Segundo o delegado, duas reses já haviam sido abatidas e a carne consumida, mas as demais foram devolvidas aos seus proprietários.

Com relação a situação dos elementos, os dois foram autuados em flagrante, continuam presos, sendo que um deles teve uma fiança arbitrada pelo juízo, mas até agora não houve o pagamento.

Com relação ao morador de Novo Horizonte do Norte, proprietário da caminhonete e apontado como sendo o receptador dos animais, pelo fato de ter residência fixa e comparecido em todos os atos para os quais foi convocado, ainda não houve a necessidade de pedir a sua prisão, mas ele tem sido contraditório em seus depoimentos, no entanto, segundo o delegado, se a justiça entender diferente, a Polícia Civil irá cumprir a determinação. 

Exatas Contabilidade
Judô
RC Sistemas
Faculdade Anhanguera
Auto Posto Arinos LTDA
Social Show
Jumasa
Sicredi

0 | COMENTÁRIO
Nenhum comentário foi feito até o presente momento.




MAIS NOTÍCIAS

Inviolável


Interessado em receber notícias em seu e-mail?
Nós o notificaremos e prometeremos nunca enviar spam.

CADASTRE-SE



2002 - 2018 © showdenoticias.com.br