NOTÍCIA | GOLPE NO TRÁFICO

Polícia de Mato Grosso prende 3 homens e apreende helicóptero com 324kg de cocaína, camionetes e até fuzil

Operação conjunta conseguiu prender três pessoas em flagrante; prejuízo ao crime é de mais de R$ 9,9 milhões

Por: Governo do Estado de Mato Grosso
Publicado em 29 de Novembro de 2021 , 07h00 - Atualizado 29 de Novembro de 2021 as 07h06


Reprodução Secom MT
CUIABÁ – Uma operação conjunta entre o Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron), a Polícia Militar, a Polícia Judiciária Civil e a Polícia Federal, resultou na apreensão de um helicóptero carregado com mais de 324 quilos de substância análoga a cloridrato de cocaína. O caso aconteceu na tarde desta sexta-feira (26), em Comodoro (640 km da Capital), e três pessoas foram presas em flagrante.
 
Na ocasião, os policiais receberam uma denúncia anônima de que haveria um helicóptero modelo Robson 44 carregado com a droga e que três suspeitos estariam no local para resgatar o entorpecente. As equipes policiais se deslocaram até o lugar e encontraram os três suspeitos, entre eles o piloto da aeronave e duas pessoas que fariam o transporte da
 
ATÉ FUZIL - Além do entorpecente e do helicóptero, os policiais também apreenderam um fuzil da marca Aeroprecision, modelo AP 15, calibre 5.56mm, munições e duas Toyotas Hilux de cor branca, que possivelmente fariam o transporte da droga.
 
Diante dos fatos, os três suspeitos e o material apreendido foi encaminhado à Polícia Federal de Cáceres. O prejuízo ao crime é de R$ 9,9 milhões.
 
LEIA TAMBÉM: ESTELIONATÁRIO: Em Mato Grosso, homem é preso usando documentos falsos para conseguir empréstimo (Publicado em 27.Nov.2021)
 
LEIA AINDA: QUADRILHA: Polícia de Mato Grosso cumpre 27 mandados de prisão contra acusados por tráfico, roubo e homicídio (Publicado em 23.Nov.2021).
Soluti - Exatas Contabilidade
Auto Posto Arinos LTDA
Jumasa
Exatas Contabilidade
Jud
Sicredi
Covid-19

JUARA MATO GROSSO



MAIS NOTÍCIAS


Inviolável



Interessado em receber notícias em seu e-mail?
Nós o notificaremos e prometeremos nunca enviar spam.


2002 - 2022 © showdenoticias.com.br